Os doce 90 de Maria Inês

“Não importa se a estação do ano muda…
Se o século vira, se o milénio é outro.
Se a idade aumenta…
Conserva a vontade de viver,
Não se chega a parte alguma sem ela.”

Fernando Pessoa

Chegar aos 90 anos de idade é qualquer coisa. Mas chegar aos 90 e ter uma familia que se junta para organizar uma festa surpresa é muito, mas mesmo muito bonito.

Maria Inês tem no cabelo a cor da sabedoria. Viveu e aprendeu ao longo da vida muita coisa. Não existem livros, manuais ou escolas que nos deem este tipo de conhecimento, esta experiência de vida que só se ganha com a a idade.

Para este dia tão bonito, familia e amigos juntaram-se para lhe dar todo o amor e carinho que ela merece.

A mim coube-me preparar a festa e torná-la ainda mais especial.

Usámos um móvel da casa como elemento decorativo. Uma secretária antiga que decorámos com flores de diferentes géneros e entre os tons de rosa e o branco que se destacavam por entre a verdura e o cheiro refrescante do eucalipto.

A decoração foi muito focada nas flores e nos doces. Em pormenores como o das bolachas cujo desenho assemelhava-se ao de uma renda, e no das garrafas antigas das bebidas que transmitem e dão um requinte inagualável.

Parabéns Maria Inês, e parabéns à familia e aos amigos por terem preparado uma supresa tao bonita para este dia.