Flores e borboletas

A magia das flores e das suas doces cores. O branco e o rosa ligados numa simbiose mais que perfeita, com um pano de céu azul no fundo. O cheiro e o ar fresco da manhã que nos faz respirar e suspirar, encher o peito da mais genuína forma de felicidade.
A natureza tem este poder. Coloca-nos à disposição elementos seus de uma pureza única,magnifica e inconfundível.. numa simplicidade tão sua.

As sinergias estão criadas. As orquídeas brancas, as rosas, as peónias e hortenses perfeitamente alinhadas. As torres de suspiros que nos fazem mesmo suspirar, o bolo majestoso mas ao mesmo tempo tão delicado e singelo rodeado de borboletas.

Este primeiro ano de vida da Madalena tinha o espaço ideal para criar este ambiente. Um terraço com uma vista de cortar a respiração com a qual só se poderia recriar uma mesa à altura. É um privilégio poder trabalhar em espaços assim, com cenários e paisagens que mais parecem ter saído de uma tela de um pintor ou de um filme de uma sala de cinema.

Uma festa inesquecível. Parabéns pequena Madalena!