E os Piratas, onde vão às compras?

IMG_8496a_RD

Pirata que é pirata  veste-se a preceito, disso não há dúvidas. Mas seguir o protocolo de indumentária dos piratas não é tarefa fácil! Há muitos pormenores e adereços a ter em conta.

Mas existe uma loja em Sagres que torna esta tarefa muito mais fácil e faz qualquer pirata perder a cabeça…A Pirate Shop!

Durante as minhas férias no mês passado “tropecei” nesta loja. Uma daquelas coincidências maravilhosas porque na atura já andava a planear a festa para o Lucas.

O pirata à porta a convidar para entrar, as grandes bandeiras com caveiras, o canhão no passeio junto à loja, e o  interior construído à imagem de um barco e do seu convés, fazem adivinhar que estamos prestes a viver uma aventura mágica.

Mas tudo torna-se ainda mais mágico quando descobrimos que vários artigos  são sabiamente desenhados e construídos à mão pelo dono do espaço, o Sr Ricardo. Um fã de piratas, desde tenra idade, que decidiu abrir uma loja dedicada a este universo.

Um verdadeiro conhecedor que nos contou a história destes aventureiros do alto mar e de como surgiu esta paixão que o levou a abrir uma loja exclusiva

“Corsários, piratas e outros flibusteiros sempre fizeram parte do nosso imaginário. Uns são figuras reais, outros fictícios mas todos tinham em comum a paixão pela aventura e a busca pela liberdade. As suas vidas eram passadas sulcando os mares em busca de tesouros e emoção. O seu mote de vida era viver intensamente e nunca pensar muito no dia de amanhã (carpe diem).

Usando métodos por vezes violentos e pouco ortodoxos, saqueavam tudo o que lhes surgia no horizonte. Desde navios mercantes até mesmo navios de guerra.

A bandeira negra utilizada por estes aventureiros tinha por fim infligir o medo no inimigo, e a bandeira vermelha significava que não iria haver misericórdia.
Inicialmente a bandeira que era comum ser utilizada em todos os navios piratas apresentava uma caveira com dois ossos cruzados, mais conhecida por “Jolly Roger”. Posteriormente, cada pirata começou a usar a sua própria bandeira, tais como “Jack Rackham” também conhecido como “Calico Jack”, alcunha proveniente da roupa colorida que usava, feita de calicó. “BlackBeard”, “Ben Avery”, “Thomas Tew”, “Anne Bonny”, etc. … 

Os corsários por outro lado actuavam sob a bandeira do seu reino/país, nomes como “Sir Francis Drake” pilhavam os mares, entregando parte das riquezas conseguidas ao reino Inglês, até mesmo navegadores portugueses famosos tais como Infante D. Henrique, Vasco da Gama, etc. … possuíam cartas a autorizar o corso passadas pelos réis de Portugal.

Penso que a minha paixão por este tema deve-se ao facto de admirar tanto esta maneira de viver, mais especificamente a parte filosófica do tema, portanto a liberdade, a fuga da sociedade e dos parâmetros estabelecidos por esta. 
Mas também devido ao facto de ser natural de Sagres, local mítico onde o infante D. Henrique planeou e ensinou a arte de navegar e descobrir o desconhecido, também o primeiro mapa do forte de Sagres foi feito pelo Sir Francis Drake, aquando da sua passagem por Sagres.

Acho que a ideia de abrir uma loja de piratas em Sagres não poderia fazer mais sentido dado toda a história por trás, muitas pessoas desconhecem e talvez por isso achem tão estranho a existência desta loja temática.

Aqui podem encontrar desde réplicas das bandeiras, conchas verdadeiras , réplicas de armas utilizadas pelos piratas, T-shirts, camisolas de marinheiro, instrumentos náuticos, brinquedos e recordações.
No fundo qualquer aventureiro certamente irá gostar deste mundo, atreves-te a conhecer ?” 

“Ricardo Fernandes” Dono da Loja Piratas em Sagres

Atrevam-se aventureiras!

IMG_8493a_RDIMG_8376a_RD IMG_8435a_RD IMG_8399a_RDIMG_8393a_RD IMG_8451a_RD IMG_8432a_RDIMG_8471a_RD IMG_8430a_RD IMG_8412a_RDIMG_8408a_RD IMG_8460a_RD IMG_8462a_RDIMG_8369a_RD IMG_8445a_RD IMG_8473a_RD IMG_8483a_RDIMG_8484a_RD IMG_8487a_RD IMG_8480a_RDIMG_8467a_RD IMG_8469a_RD IMG_8486a_RD IMG_8458a_RDIMG_8491a_RD IMG_8494a_RD